Corretor de imóveis acusado de assassinato é preso no nortão após cinco meses em fuga

Por: Esportes & Notícias

Um corretor de imóveis, de 36 anos, foi preso esta manhã, na região do Travessão 9, em Peixoto de Azevedo (697 quilômetros da capital). Ele é suspeito de mandar matar, em junho deste ano, o comerciante Vanderes Alceu Soares Pires (43). Contra o suspeito havia um mandado de prisão expedido pelo juiz Evandro Juarez Rodrigues.

“Ele tem participação no crime. No celular do suspeito que foi morto no dia do crime tinha conversas entre eles, no qual estavam “preparando o terreno” (planejando a morte) ao menos 15 dias antes do ocorrido. Ele foi ouvido, mas não confessou o crime. O acusado trabalha com venda de fazendas e imóveis na região”, informou um investigador da Polícia Judiciária Civil.

O crime aconteceu no dia 24 de junho na Avenida Rotary Internacional, no bairro Aeroporto. Vanderes estava na calçada, em frente ao seu comércio, quando foi morto com tiros pelas costas. Dois suspeitos participaram da ação. Um foi morto no local pela PM e o outro fugiu em uma moto e continua foragido.

Os tiros também atingiram duas pessoas, uma no braço e a outra na cabeça. As vítimas precisaram ser levadas ao hospital.