Ex-marido é preso por matar mulher a tiros em MT

Um homem suspeito de ter matado a ex-mulher dele foi preso nessa sexta-feira (28) em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá.

Mirian Alves de Oliveira, de 25 anos, foi atingida por três tiros na cabeça no começo do mês e morreu depois de alguns dias internada.

Segundo a Polícia Civil, Juliano de Souza Lima, de 28 anos, teve a prisão decretada e foi preso no final da tarde. A polícia não informou se ele confessou ou negou o crime. O G1 não localizou o advogado dele.

Mirian Alves de Oliveira foi assassinada pelo ex-marido em Rondonópolis – Foto: Facebook/Reprodução

O mandado de prisão foi cumprido pela Delegacia de Roubos e Furtos (Derf).

O caso

De acordo com a polícia, o crime ocorreu no dia 5 deste mês no Loteamento Padre João Bosco Burnier, em Rondonópolis.

Miriam havia deixado a filha do casal na casa do sogro, onde Juliano também mora.

O pai do suspeito disse à polícia que Miriam retornou para buscar a criança e foi até o quarto a pedido de Juliano. O pai de Juliano ouviu então os disparos e entrou no quarto, encontrando Miriam caída no chão.

Miriam foi socorrida por uma ambulância e ficou internada no Hospital Regional. Ela não resistiu e morreu dias depois da internação.

Por G1-MT