Garota de programa estuprada e agredida por cliente em motel

Normal
0

21

false
false
false

PT-BR
X-NONE
X-NONE

MicrosoftInternetExplorer4

/* Style Definitions */
table.MsoNormalTable
{mso-style-name:”Tabela normal”;
mso-tstyle-rowband-size:0;
mso-tstyle-colband-size:0;
mso-style-noshow:yes;
mso-style-priority:99;
mso-style-qformat:yes;
mso-style-parent:””;
mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt;
mso-para-margin-top:0cm;
mso-para-margin-right:0cm;
mso-para-margin-bottom:10.0pt;
mso-para-margin-left:0cm;
line-height:115%;
mso-pagination:widow-orphan;
font-size:11.0pt;
font-family:”Calibri”,”sans-serif”;
mso-ascii-font-family:Calibri;
mso-ascii-theme-font:minor-latin;
mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;
mso-fareast-theme-font:minor-fareast;
mso-hansi-font-family:Calibri;
mso-hansi-theme-font:minor-latin;}

Um homem de 41 anos foi preso no último sábado (2), acusado de agredir e estuprar uma garota de programa dentro de um motel, no Bairro Jardim Potiguar, região do “Zero Km”, em Várzea Grande.

 

De acordo com a Polícia Militar da cidade, o suspeito chegou a ser agredido por populares, que o detiveram até a chegada da PM.

 

A vítima, que é de nacionalidade venezuelana, contou que havia acordado um “programa” com o suspeito e um amigo dele. No entanto, quando chegaram ao motel, apenas o suspeito entrou no quarto com ela.

 

Após um tempo no quarto, o suspeito não conseguiu manter relações sexuais e eles cancelaram o programa.

 

O homem, porém, teria se exaltado e passou a querer forçar a relação sexual, a mordendo e, em seguida, segurando-a pelo pescoço e braços, estuprando-a sem o uso de preservativo.

 

A mulher diz que conseguiu se desvencilhar do suspeito, fugir e pediu por socorro.

 

Populares que presenciaram a cena o interceptaram e o agrediram com socos e pontapés.

 

Quando a polícia chegou ao local, o homem tentou fugir. Ao ser preso, ele teria chegado a se debater dentro da viatura, aparentando estar sob o efeito de drogas.

 

O caso foi registrado na Central de Flagrantes da cidade, onde ele foi autuado por lesão corporal e estupro.