Homem contrai bactéria ‘comedora de carne’

Ao estalar os dedos, Antoine Boylston fez um pequeno corte no anelar. O que o rapaz não imaginava é que o pequeno imprevisto faria com que ele contraísse uma infecção bacteriana rara, capaz de destruir músculos e tecidos.

O pesadelo do americano de 31 anos aconteceu em abril de 2016. “Eu pensei que ‘insetos-comedores de carne’ eram algo que as pessoas pegassem em filmes – não por estalarem os dedos demais”. Algum tempo depois de estalar os dedos no trabalho, o que lhe causou um corte, Antoine começou a passar terrivelmente mal.

Pensando ter quebrado o dedo devido a dor que sentia, ele foi até ao Hospital da Universidade do Kentucky para ser atendido. “Quando cheguei, minha mão direita começou a escurecer e a inchar”.

O médicos imediatamente notaram que não se tratava de um dedo quebrado e o encaminharem para uma cirurgia de emergência. Seria a primeira das três que Antoine realizaria após ter sido diagnosticado com uma fasciíte necrosante mortal.

Antoine teve o dedo mindinho amputado e precisou de enxertos de pele retirados da coxa na região atingida pela bactéria. Ele também iniciou a fisioterapia sete meses depois para recuperar os movimentos da mão. Antoine conta que as coisas ficaram mais difíceis sem o mindinho, especialmente pegar coisas nos bolsos. Mas, dos males o menor: “Estou vivo – e nunca mais vou estalar os dedos – não posso”.

 

Por R7