Júlio diz que lideranças do DEM apoiam sua candidatura ao Senado “Meu nome está 60% certo”

VG Notícias

Júlio Campos

Ex-governador Júlio Campos (DEM)

Os Democratas de Mato Grosso devem definir até a próxima semana o nome do partido para concorrer ao Senado, na vaga deixada pela senadora cassada, Selma Arruda (PODE). O nome mais cotado é do ex-governador e vice-presidente do DEM, Júlio Campos.

Em entrevista ao , Júlio Campos, revelou que o Diretório Estadual da legenda deve se reunir entre este e o próximo final de semana para definir o nome da sigla para disputar o pleito. “Precisamos definir este nome logo. A campanha será curta, então quanto mais cedo definir este nome melhor para trabalhar junto ao eleitorado”, declarou o democrata.

Sobre o nome do DEM, Júlio disse: “Meu nome está 60% certo para ser o candidato do partido. Tenho apoio de grande parte dos diretórios e das lideranças. Alguns correligionários defendem o nome do deputado Dilmar Dal Bosco, mas ele não quer ser candidato. Estou trabalhando junto a base e estou confiante na viabilização da minha candidatura”, revelou o ex-governador.

Além disso, o democrata contou que o partido pretende lançar até o final deste mês, uma pesquisa qualitativo e quantitativo, que será realizada pelo Instituto IBOPE, para avaliar o nome do escolhido do DEM sobre aceitação junto a sociedade. “Queremos ter um termômetro de como estar a aceitação junto a sociedade mato-grossense em relação aos demais pretensos candidatos”, finalizou Campos.