O BOI VAI PERDER FORÇA NO PREÇO NESSA RETA FINAL DA SAFRA?

Pecuarista, a semana não apresentou muitas mudanças, o preço do boi seguiu firme nesse início de abril mesmo com a sequência de recordes no preço no mês de março, atendendo as expectativas previstas no início do mês com o término da quaresma, semana de pagamento do trabalhador e disponibilidade do auxilio emergencial. O fim da semana foi agitado para cumprir as escalas do início da próxima semana, um frigorífico necessitando cumprir sua escala que estava deficitária ofertou para a compra de boi (4 dentes) R$310/@ para pagamento a vista, me coloquei a disposição em preencher sua escala, porém na condição de pagar o valor a vista de R$ 315/@, o frigorifico não aceitou a proposta, porém no mesmo dia havia realizado negócio similar com boi china a R$310/@ à vista.

Não Percam a data!

30-05-2021 às 13h MT

Mais informações (66) 3532-0077

Não Percam a data!30-05-2021 às 13h MTMais informações (66) 3532-0077

O preço do boi tem subido semanalmente em plena safra, a sugestão é negociar o mais próximo do abate possível, ou seja, evitar negociar abates com períodos superiores a 1 semana. Essa situação está cada dia mais comum, escalas curtas, baixa oferta de boi gordo e demanda externa aquecida impulsionada em especial pela China. A forte recuperação das exportações em março está relacionada também aos novos surtos de Peste Suína Africana (PSA) registrados na China e os impulsos comemorativos da virada do novo ano chinês, forçando o país a intensificar a compra de proteína, principalmente no Brasil.

As negociações do preço da vaca gorda durante a semana mantiveram em R$290/@ com pagamento para 30 dias, a dificuldade em posicionar touros para abate se mostra mais flexível, frigoríficos que antes se recusavam em absorver esse tipo de animal agora não mais possuem essa conduta. Porém o preço da @ ainda possui seus descontos, no fim da semana negociei uma parcela de touros descartes no valor de R$270/@.

Alguns analistas acreditam que nessa reta final de safra, podemos sofrer uma leve queda de preços na @/boi, essa opinião conservadora se dá diante dos inúmeros históricos de comportamento dos preços entre março a maio. Diante das circunstancias e fatos do meu dia a dia não consigo visualizar essa queda, e você acredita na queda nesta reta final da safra do boi?

Esse foi um pouco da minha semana e minha contribuição voluntária para você pecuarista.

Essa semana perdemos a agricultora e pecuarista conhecida com Dona Helena de Santa Rita do Trivelato-MT, que Deus a receba com muita luz. Nossas intenções de orações aos nossos amigos que se encontram hospitalizados, que Deus interceda com seu espirito santo sobre esses pecuaristas. 

 Um forte abraço e uma excelente semana.

Faber Carneiro – Médico Veterinário – Gestor Técnico em Pecuária

Especialista em Sistema de Produção de Bovinos

Especialista em Reprodução de Bovinos

Mestre em Ciências Veterinárias – Patologia

Doutorando em Biociência Animal