Parceria entre Secretarias de Agricultura e da Mulher levam políticas públicas até zona rural de Cuiabá

Neste primeiro momento, técnicos das Secretarias fazem o mapeamento das regiões para identificar as potencialidades da vegetação e aptidão da população para desenvolvimento das atividades econômicas

Seguindo pelo bairro Pedra 90, vinte e três quilômetros de estrada de chão já fora do perímetro urbano se encontra o assentamento 21 de Abril, zona rural de Cuiabá. Do outro lado, seguindo a MT-040 sentido Santo Antônio do Leverger, chegamos a comunidade Nova Esperança. Na última quinta-feira (22), os moradores das duas regiões receberam equipe da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico e Secretaria da Mulher para dialogar sobre políticas públicas que vão transformar a vida no campo, levando capacitação profissional, emprego, renda e auxílio jurídico, dentre outras ações por meio dos programas “Agro da Gente” e “Mulher no Campo – uma caminhada em busca da cidadania”.

“Vamos lançar nos próximos meses um programa de fortalecimento das atividades produtivas do campo. Temos uma região muito rica em Cuiabá ali no Cinturão Verde e arredores que é preciso investir, capacitar. Estamos unindo forças, entre Secretarias, com instituições parceiras para levar políticas públicas a essa região que vão transformar o setor na capital, projetando Cuiabá para o futuro”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Neste primeiro momento, técnicos da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico fazem o mapeamento das regiões para identificar as potencialidades da vegetação e aptidão da população para desenvolvimento das atividades econômicas, como piscicultura, apicultura, avicultura, produção de leite e cultivo de folhas, verduras e legumes, para então apresentar as ações da gestão Emanuel Pinheiro de fomento a essas atividades.

“É uma determinação do prefeito Emanuel Pinheiro que os programas da Prefeitura de Cuiabá cheguem a todos e por isso estamos aqui. Nossa capital tem um grande potencial no campo que precisa ser explorado, 92% do território de Cuiabá é rural, 8% apenas é perímetro urbano e temos hoje 80% dos produtos comercializados na Central de Abastecimento de Cuiabá vindos de fora da cidade, de outros estados. Estamos trabalhando para mudar isso, pra fomentar o campo, fortalecer as cadeias produtivas do leito, do peixe, do frango, das frutas, verduras e legumes, capacitar e oferecer apoio ao produtor local para que desenvolva suas atividades e gere emprego e renda”, disse o secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo.

O objetivo é que cada comunidade receba uma versão dos projetos da gestão Emanuel Pinheiro, pois cada uma é única em suas necessidades e capacidades. No assentamento 21 de abril, por exemplo, a Associação de Mulheres locais, presidida pela dona Maria Auxiliadora Montalvão, de 68 anos, se organiza para construir a tão sonhada sede. No espaço, as mulheres da comunidade idealizam uma cozinha industrial para produção de pães, bolos e doces para venda e também um salão para cursos profissionalizantes.

“Nós aqui queremos ajuda para melhorar a renda familiar. A pandemia deixou a situação mais difícil e nossas necessidades são urgentes. Queremos condições para gerar renda e colocar comida na mesa com mais facilidade. Também precisamos de ajuda com a documentação da Associação e orientação quanto a aposentadoria”, explicou Dona Maria.

Goiana e moradora da região há 20 anos, Dona Maria veio para Cuiabá com o esposo, seu Sebastião Montalvão depois que os filhos se mudaram para a capital mato-grossense. Mudou de cidade, mas sempre permaneceu na lida com a terra.

Buscando atender as demandas apresentadas, a secretária da Mulher, Luciana Zamproni explicou ao grupo sobre o “Mulher do Campo – Uma caminhada em busca da cidadania”, programa da gestão Emanuel Pinheiro, com apoio da primeira-dama Marcia Pinheiro que oferece apoio jurídico e qualificação profissional às mulheres do campo.

“É muito gratificante encontrar uma associação de mulheres organizadas e interessadas em transformar a realidade de sua comunidade. Nós da Secretaria da Mulher estamos à disposição para auxiliar no desenvolvimento desse grupo, seja com auxílio jurídico, seja levantando as demandas da comunidade nas áreas de saúde, educação e também para oferecer momento de acolhimento com as rodas de conversa com as mulheres e equipe técnica da Pasta, com psicólogos e assistentes sociais. Em parceria com a Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, estamos aqui para dar apoio também as mulheres que queiram empreender e mudar esse estigma da mulher no campo apenas como do lar e colocar essa mulher em posição mais ativa no planejamento familiar”, disse Zamproni.

Durante a tarde, a equipe da Secretaria de Agricultura, juntamente com o vereador Mario Nadaf e técnicos do Instituto Nacional de Educação para Defesa e Preservação do Meio Ambiente (Indeppa), estiveram na comunidade Nova Esperança, localizada próximo ao limite intermunicipal com Santo Antônio do Leverger. Lá está situado o apiário do seu Joãobion Gonçalves Duarte.

Na propriedade, seu Joãobion desenvolve de tudo um pouco, tem criação de porco, de frango, de peixe. Sobre o poço de peixe, ele explica que como não choveu o suficiente, o nível está muito baixo e vai acabar secando. A solução para a questão, é retirar os peixes que ainda estão no local e retirar a lama que ficou na base do poço, preparando para o próximo ano, quando a chuva vier. O pedido do produtor é por auxílio do poder público com empréstimo de maquinário para realizar a limpeza do poço.

Há quatro anos, seu Joãobion vem investindo também no cultivo de abelhas com o auxílio técnico do Indeppa e seu presidente, Manoel Pedro Galvão, que dá o suporte desde o manejo até a entrega de material, como as caixas para as abelhas. De acordo com seu Manoel, a colheita do apiário de seu Joãobion é feita a cada 90 dias e rende cerca de 60 kg por período.

Por NAIARA LEONOR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *