Prefeitura realiza nesta segunda-feira licitação para a compra de medicamentos para a Secretaria de Saúde

O edital para o pregão eletrônico foi lançado em 17 de março

A Prefeitura de Cuiabá realiza nesta segunda-feira (29) uma licitação para a aquisição de medicamentos, a pedido da Secretaria Municipal de Saúde. De acordo com a secretária municipal de Saúde, Ozenira Felix será realizado um pregão eletrônico, na modalidade registro de preço, para a compra de medicamentos usados na Atenção Secundária e Atenção Terciária, além de remédios usados no combate à COVID-19.

“Lançamos o edital no dia 17 de março e a divulgação foi feita nos jornais de maior circulação no município de Cuiabá. Nesta segunda-feira acontece o acolhimento de propostas para os 261 lotes agendados. Mesmo em meio à pandemia, optamos por realizar este pregão eletrônico pois é uma modalidade transparente, ágil e que possibilita uma negociação eficiente entre a administração pública e as empresas participantes”, explicou a secretária. Ozenira revela ainda que todas as empresas do ramo podem participar e que o contrato para fornecimento de medicamentos para o município terá a vigência de 1 ano.

“A última vez que a Secretaria Municipal de Saúde teve uma licitação para aquisição de medicamentos foi em 2019, também com vigência de um ano. Em 2020, quando a pandemia começou, a Prefeitura precisou agir com urgência para preparar a rede municipal de saúde para combater esse inimigo que até então era completamente desconhecido, por isso, não foi possível a realização de licitações na área da Saúde no ano passado. Hoje, apesar de ainda estarmos em plena pandemia, já conhecemos pelo menos um pouco sobre o vírus e estamos fazendo de tudo o que podemos para combatê-lo. Este pregão vai possibilitar a aquisição de vários medicamentos para continuarmos a nossa luta”, comentou Ozenira.  

Ela disse ainda que existe um processo de licitação para a aquisição de insumos bem adiantado. “Este processo já está em fase de instrumentalização e deverá ser protocolado na Diretoria Especial de Licitações e Contratos ainda nesta semana, para análise e futura publicação em edital”, informou.

Por ROBERTA PENHA